Sonho sem fim

“(…) vi um menino de seis anos com a irmã na porta de um CEU na zona sul de São Paulo. Ele temia em entrar na exposição [que fiz sobre Ayrton Senna] . ‘Ah, tio, ele tem medo da polícia’, disseram os amigos. Havia uma base policial no local. Aí eu fui lá buscá-lo e disse para não ter medo. Peguei o menino no colo, quando passei ao lado da polícia, ele urinou.

O que esse menino já viu dentro da comunidade dele? Foi algo que o marcou profundamente e para recuperar uma criança assim é um trabalho de anos. Isso para mim tem um valor absurdo de começar a entender onde é que eu tinha que ir com o trabalho da ONG”.

Trecho do “Minha História” publicado no dia 15 de maio no caderno “Cotidiano”, da Folha, sobre Alex Cardoso de Melo, 43, um homem que mudou de vida para disseminar os ideais de 24 grandes sonhadores, como de Ayrton Senna e de Martin Luther King. Uma boa história que tive o privilégio de contar.

Minha História - Alex Cardoso de Melo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s